fbpx

Seguro de vida mulher: entenda por que você deve contratar

Seguro de vida mulher: entenda por que você deve contratar

Seguro de vida mulher entenda por que você deve contratar

A tão almejada igualdade de gênero não impede que sejam reconhecidas algumas distinções fisiológicas entre os dois sexos, fazendo com que um Seguro de Vida Mulher tenha alguns pontos e coberturas diferentes, pensadas para dar tranquilidade para o público feminino e seus familiares.

Afinal, mesmo que as mulheres tenham uma expectativa de vida maior do que a dos homens, estão sujeitas à incidências de algumas doenças específicas em diferentes momentos de suas vidas, tornando a contratação de uma apólice algo que, de fato, vale a o investimento.

Leia o texto e entenda o porque de contratar um Seguro Mulher!

Antes de tudo, o que é um Seguro de Vida Mulher?

De modo geral, o Seguro Vida Mulher nada mais é do que um produto financeiro que, além de possuir as coberturas comuns de um Seguro de Vida  normal, também, assim como dito anteriormente, possui algumas coberturas específicas para fatores exclusivamente femininos. 

Portanto, em caso de sinistro, que é o principal efeito danoso coberto por ambas às apólices, serão pagas, normalmente, indenizações que garantam tratamento de saúde (no caso de doenças) ou ajuda aos beneficiários, em caso de morte, sendo algo extremamente necessário para aquelas que desejam ter uma certa prevenção para imprevistos.

Então, como funciona o Seguro de Vida Mulher?

Como dito anteriormente, esse tipo de apólice oferece coberturas comuns e algumas mais específicas para o público feminino, com o objetivo de garantir o melhor tratamento possível para doenças, como o câncer de mama, por exemplo, que é uma das patologias que mais causam a morte em mulheres.

A apólice também oferece diagnóstico realizado por um especialista para os casos de suspeita dessa e de outras patologias, além de ser possível utilizar a indenização do contrato para cobrir despesas com tratamento, medicações e internações. Há também cláusulas para que, se a segurada ficar em estado terminal, possa utilizar os valores recebidos para passar os seus últimos dias com a família.*

*Consulte seu corretor de seguros para condições de contratação

Seguro de vida mulher entenda por que você deve contratar

Conheça as principais coberturas de um Seguro de Vida para Mulher!

Além do câncer de mama que, de acordo com estatísticas do Instituto Nacional do Câncer (INCA), corresponde a cerca de 28% dos casos de tumores que incidem sobre as mulheres registrados anualmente, existem outras doenças que podem acometer esse público e que também possuem cobertura por parte do Seguro de Vida Mulher. 

Confira:

1- Câncer do colo do útero

Essa é uma doença que, também de acordo com o INCA, possui cerca de 16 mil novos casos todo ano no Brasil, o que pode não parecer um número muito expressivo, mas que, quem pretende contratar um Seguro de Vida, precisa saber que pode desenvolver esse problema a qualquer momento. 

Esse tipo de câncer atinge o aparelho reprodutor feminino, podendo acontecer de forma assintomática ou causando muita dor e sangramento menstrual irregular.

2- Câncer de ovário

O câncer de ovário é outra doença que possui a característica de afetar o órgão reprodutor feminino e que se desenvolve em cerca de 6 mil mulheres anualmente em nosso país. Seus sintomas iniciais são a perda de apetite e de peso, podendo evoluir e causar sérios danos à saúde da mulher.

3- Outras coberturas

Além das coberturas para essas doenças específicas do público feminino, essa apólice também pode cobrir morte acidental que, assim que verificada, rende indenização aos beneficiários que constam no contrato.

Invalidez, seja ela permanente ou total, também possui garantia de pagamento de até 100% do capital de cobertura de óbito.

Invalidez Parcial por Acidente (IPA) também garante o pagamento de parte do capital, sendo constatado a partir da avaliação do grau da invalidez em questão.A indenização também poderá ser paga em caso de invalidez funcional por acidente, como também acontece em Planos de Seguro de Vida comuns, além de também cobrir despesas funerárias, quando contratadas essas assistências/coberturas.

Portanto, contratar um Seguro de Vida Mulher vale a pena?

Se você deseja saber se ter um Seguro de Vida vale a pena, a primeira coisa que você precisa avaliar é se você deseja correr o risco de não estar resguardada para o caso do desenvolvimento das doenças citadas acima. Apesar de algumas não possuírem tanta incidência, podem ocorrer a qualquer momento e, caso você não tenha um plano, pode acabar tendo que arcar com os custos das despesas sozinha.

Além disso, é importante saber que o custo da mensalidade desse tipo de seguro costuma ser menor do que o dos Seguros de Vida convencionais, já que a mulher possui maior expectativa de vida do que os homens. Portanto, não deixe de fazer um Seguro de Vida simulação e ver o quanto esse investimento pode ser importante para a sua vida!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *